quarta-feira, 17 de outubro de 2007

A Primeira Vez de Uma Mulher

Se vc não for uma garota, imagine que você é uma.
É a sua primeira vez. A medida que você reclina, seus músculos se contraem. Você tenta afastá-lo enquanto pensa numa desculpa, mas ele insiste,
aproximando-se cada vez mais.
Ele pergunta se você está com medo e você sacode a cabeça negativamente.


HOMEM - Vamos começar?
MULHER - Não sei, estou com medo!
HOMEM -
Medo do quê?
MULHER - Medo de doer.

HOMEM - Um dia você vai ter que deixar.
MULHER -Acho que não.
HOMEM - Confie em mim. Eu vou devagar.
MULHER - Como fico?
HOMEM - Nessa posição.
MULHER - Assim?
HOMEM - Abra mais um pouco...

Ele tem muita experiência, seus dedos encontram o ponto certo e você estremece. Seu corpo fica tenso, mas ele faz tudo de maneira gentil, como
tinha prometido. Ele olha no fundo dos seus olhos e pede novamente que confie nele. Ele já fez isso muitas vezes. O sorriso dele faz com que você
relaxe e abra mais, de modo a facilitar as coisas.

MULHER - Ai, está doendo.
HOMEM - Agüenta firme, não posso parar.
MULHER - Não posso agüentar mais.
HOMEM - Abra mais.
MULHER - Está doendo.

Você pede para que ele seja rápido, mas ele vai devagar, cuidando para que você sinta o mínimo de dor possível. À medida que ele vai
forçando, você sente os tecidos cedendo. A dor se alastra pelo seu corpo e você sente um leve sangramento.Ele olha para você preocupado e pergunta se
está doendo. Seus olhos estão rasos de lágrimas, mas você sacode a cabeça e sinaliza para que ele continue.
Ele começa a fazer movimentos ritmados para dentro e para fora, mas você está entorpecida demais para senti-los.
HOMEM - Vou tirar.
Após algum tempo, você sente um rompimento dentro de você e ele tira.


MULHER - Que alívio!
HOMEM - Até que não fomos mal.

Você está ofegante, aliviada por aquilo ter terminado. Ele olha para você com aquele sorriso caloroso e diz que você foi a mais difícil, mas ainda assim, a mais recompensadora experiência que ele teve.

MULHER - Ai, está sangrando.
HOMEM - Sempre sangra um pouco.

MULHER - E se não parar?
HOMEM - Claro que pára.
MULHER - Como você sabe?
HOMEM - Tenho experiência.
MULHER - Está parando.
HOMEM - Não disse?

Você sorri e agradece ao seu dentista. Afinal de contas, foi a primeira vez que teve um dente arrancado.
O que você pensou que fosse? Nossa que mente poluída.... Que horror....

1 comentário:

Óoooootimo!!
O texto é seu?

Postado por Nandinha | 17 de outubro de 2007 18:12  

« Postagem mais antiga Postagem mais recente »